O site Lemondorps divulgou uma lista totalmente absurda dos livros que deveriam ser banidos e a Saga Twilight aparece em 3º lugar, seguida de outros sucessos das livrarias e cinemas como P.S. Eu te amo e O código Da Vinci, entre outros.

Isso deve ser site de humor fazendo piadinha com os livros, só pode!

Confiram na próxima aba a lista completa com as justificativas para banir os livros.

Veja a lista :

1. “Comer, Rezar e Amar”, de Elizabeth Gilbert. Ficamos felizes que você “se encontrou” em sua pequena jornada espiritual, Liz, mas é difícil não se sentir, oh, um pouco irritado que você tinha que fazer isso enquanto viajava para os lugares mais bonitos do mundo. O que, sem revelação em Detroit?

2. “O Jogo”, de Neil Strauss. Eeeeeei caras! Se você não consegue pegar as mulheres para salvar sua vida, leia essa bagunça de romance instrutivo que envolve uma “artista escolhido” chamada Mystery dando conselhos que envolvem o uso de echarpes de plumas e insultar o sexo oposto. U-hu!

3. Série “Twilight”, de Stephenie Meyer. Sabemos que podemos agitar algumas penas (ou peles de lobisomem, para esse efeito) por dizer isto, mas vamos lá, gente. Esses livros não têm nada do gênio que é Harry Potter! A única coisa boa que saiu da série foi Robert Pattinson. Prontofalei.

4. “Um milhão de pedacionhos”, de James Frey. Nada como escrever um livro de memórias que não chegaram a acontecer. Banir.

5. “P.S. Eu te amo”, de Cecelia Ahern. O filme não foi tão bom, mas se você puder acreditar, o livro foi ainda pior. Cheio de clichês, personagens chatos e simplesmente má redação, nós realmente não conseguimos ler. (Você acha que o fato de que o pai da autora era o chefe do governo irlandês teve alguma coisa a ver com o livro ter sido publicado?)

6. “A Profecia Celestina”, de James Redfield. Principalmente porque todos os babacas na escola de arte que nós queríamos não ter namorado estavam lendo isso.

7. Qualquer coisa de Katie Price. Katie Price, ou devemos te chamar “Jordan”? Cale a boca. Você não é nem mesmo uma celebridade real para valer um livro, muito menos três. Nós estimamos a quantidade de texto que você realmente escreveu sozinha, cerca de… cinco páginas.

8. “Espero que sirvam cerveja no inferno”, de Tucker Max. Ouça, o cara pode escrever, não há dúvida sobre isso. Mas nós sentimos que é necessário incluir este livro na lista pelo bem das mulheres.

9. “O Código Da Vinci”, de Dan Brown. Sabemos que é um best-seller e que você está faturando milhões, Dan Brown. Mas o seu complicado romance caça-tesouro que evolve religião e decifrar códigos e sequências numéricas… chamamos de mer** o quanto Robert Langdon resolve tudo tão rápido.

10. “Bênçãos Múltiplas”, de Jon e Kate Gosselin. Ouça, há um monte de gente lá fora imprópria para ficar dando conselho sobre educação de filhos, estas são apenas duas. Além disso, o livro foi necessário? Não podemos apenas assistir o programa (ou pegar um tablóide) para termos todas as informações de que precisamos?

O que ? antes ali Rob na lista dos mais odiados, e agora, uma lista contendo a saga Twilight que deve ser banida ? só pode ser brincadeira né ?!😡